Qual a diferença entre certidão em Breve Relato (simples) e Certidão em Inteiro Teor?

Como me programo para reconhecer minha cidadania italiana ou a minha cidadania portuguesa?
21/02/2020
Coimbra
15/03/2020
Mostrar Tudo

Qual a diferença entre certidão em Breve Relato (simples) e Certidão em Inteiro Teor?

Essa é uma dúvida que a maioria das pessoas que está começando a dar os primeiros passos para reconhecer a cidadania têm, principalmente pela diferença de valor entre emitir uma breve relato e uma inteiro teor.

Primeiramente, para o reconhecimento da cidadania italiana é preciso que todas as certidões brasileiras de todas as pessoas da linhagem estejam em inteiro teor, já no reconhecimento da cidadania portuguesa, é necessário apresentar a inteiro teor de nascimento do requerente e a simples do nascimento do genitor brasileiro.

“Mas a diferença de preço delas é grande e eu nem sei se vou ter direito à cidadania, por que tenho que pedir a mais cara só para verificar se vai dar certo ou não?”
O motivo é simples e o próprio nome das certidões explica. A breve relato trará brevemente o que foi registrado, é um resumo, então vai constar qual é o tipo de ato, os nomes das pessoas envolvidas, a data e as averbações que constarem, diferente da inteiro teor, que trará inteiramente o registro, ela é uma cópia fiel ao que foi registrado no livro, ou seja, traz tudo aquilo que foi declarado e que está escrito no livro. é por isso que certidões muito antigas e que o oficial emitirá a segunda via em inteiro teor, trará palavras escritas em português arcaico, como “hontem”, “creança”, etc, pois é a cópia integral do registro, inclusive com sua grafia antiga.

Dessa maneira, se você não sabe muitas informações sobre seus antepassados, além de ser a certidão correta para o reconhecimento da cidadania, é na inteiro teor que você conseguirá maiores informações sobre essas pessoas. Neste post falo por onde se deve começar a sua pesquisa e cito a inteiro teor, justamente por isso, por esses registros serem uma cópia fiel do registrado no livro.

Pode ser que, infelizmente, não conste detalhadamente tudo o que você precisa saber de seus ascendentes, pois depende do que foi declarado à época, porém, trará pistas, nomes, eventualmente datas que te ajudarão, detalhes que a breve relato não trará, porque é apenas um resumo com as informações mais importantes do registro.

Na hora de lidar com cidadania, é preciso ter em mente que você terá gastos para descobrir sobre seus antepassados, se você quer reconhecer a sua cidadania, tenha em mente que não é hora de economizar com as certidões, elas são a base, a comprovação, o objeto mais importante que lá na frente farão prova da sua descendência, fazendo com que você tenha sua cidadania reconhecida. Por esse motivo, não economize, não pense que emitindo uma breve relato vai te ajudar, porque na maioria das vezes não vai e você terá que gastar de novo pedindo uma inteiro teor. O recomendável é sempre pedir a inteiro teor porque será nela que você encontrará a reprodução integral do ato.

 

Veri 11.19-6144

Veridiana Petri
OAB/SP 348.682
Advogada, ítalo-brasileira, graduada pela Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo, pós-graduação em Relações Internacionais com ênfase em Direito Internacional/2020, pós-graduação em Direito Notarial e Registral/2021, pela Faculdade Ibmec/Damásio – SP.
E-mail: veridiana@cidadaniatuttoaposto.com.br / veridianatuttoaposto@gmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × quatro =

O conteúdo de texto, foto e vídeo do site CIDADANIA TUTTO A POSTO não pode ser copiado ou reproduzido sem autorização prévia.

Quer saber se tem direito a Cidadania Italiana ou Nacionalidade Portuguesa? Clique no botão abaixo e faça uma pré-consulta.
FAÇA UMA PRÉ-CONSULTA GRATUITA!
Fazer pré-consulta