O que conhecer em Tomar/Portugal

Foto de RODNAE Productions no Pexels
Cidadania portuguesa: Divórcio, o que precisamos saber.
11/02/2022
Vector de jueces creado por vectorpouch - www.freepik.es
Existe audiência no processo de retificação?
11/03/2022
Mostrar Tudo

O que conhecer em Tomar/Portugal

Tomar é uma cidade na região do Centro de Portugal.
Em 480a.C. pelos Túrdulos e depois, já no século I d.C. pelo Imperador Romano Augusto, passando a se chamar Sellium.
No ano de 716 foi invadida pelos muçulmanos , que construíram uma atalaia (torre de observação) onde hoje está localizado o Castelo de Tomar. Nesta época, a cidade se chamava Thamara, mais tarde, depois da conquista da região pelo Rei Afonso Henriques em 1147 e da doação como feudo à Ordem dos Templários, passou a se chamar Thomar, sendo considerada um tipo de quartel general dos Cavaleiros Templários.

A festa mais importante da cidade é a Festa dos Tabuleiros que é realizada de 4 em 4 anos, sendo a próxima para julho de 2023, então, caso esteja pela região, programe-se para não perder a oportunidade de vivenciar uma das maiores e mais antigas festas de Portugal.

O que visitar?

Uma curiosidade sobre a cidade é que área urbana mais antiga, medieval, organiza-se em cruz, orientada pelos pontos cardeais e tendo um convento em cada extremo.

1. Convento de Cristo
Patrimônio Mundial da Unesco, é um dos monumentos históricos mais importantes de Tomar, é mais do que um simples convento, é como uma fortaleza que foi construído pelo mestre templário da província, Gualdim Pais.
Esta construção tem diversas influências, colunas toscanas, influências mouras, Alto Gótico, Estilo Manuelino e um Barroco em seu interior sem igual.
Conta-se que foi o ponto de formação da União Ibérica e que, ainda em 1581, Filipe II da Espanha foi reconhecido, também, como Felipe I de Portugal, tendo esta união perdurado até 1640.

2. Castelo de Tomar
O mesmo Gualdim Pais construiu no século 12, nas colinas próximas ao rio Nabão, a imponente fortaleza que é a marca da cidade.
Ao lado do Convento de Cristo, este castelo marcava a fronteira entre os reinos cristãos, na tentativa de segurar o avanço mouro na península.
O Castelo possui um forte muro e dentro deles existia uma cidadela onde se encontrava a sede administrativa e a residência dos mais importantes cavaleiros da região.

3. Corredoura (Rua Serpa Pinto)
Este era o caminho que o cavaleiros percorriam para chegar ao Castelo, hoje é um dos mais importantes pontos comerciais da cidade. Nela, você pode parar e tomar um delicioso café no Café Paraíso, que nos idos de 1911, era ponto de encontro de personagens ilustres da época.
Também nesta rua, vale a pena a visita à Confeitaria Estrelas de Tomar para experimentar as delícias típicas da cidade, como as Fatias de Tomar, Queijinhos de Tomar e Beija-me depressa.
Depois de experimentar essas delícias, deixe-se perder pelo Centro histórico e não deixe de ir na atração abaixo.

4. Igreja de São João Batista
Localizada na Praça da República, que marca o centro da cidade, é um belo exemplar do estilo manuelino vale a visita.

5. Museu da Levada
Exibe as antigas moagens e moinhos que trabalhavam com a força do rio Nabão.

6. Igreja de Santa Maria dos Olivais
Construída no século XII, também possui toques de Gualdim Pais. Diz-se que foi um ponto de reunião dos grandes mestres Templários.

7. Mata Nacional dos Sete Montes
Principal parque da cidade com cerca de 39 hectares, fica no Centro Histórico, bem no início da subida que leva ao Castelo dos Templários e o Convento de Cristo.
Segundo os locais, era aqui que os Templários praticavam os rituais iniciáticos da Ordem religiosa militar.

8. Velha Ponte de Tomar
Também conhecida como Dom Manuel, é um dos principais acessos ao Centro Histórico, fica próxima à Igreja e Convento de Santa Iria e acredita-se que sua origem remonta aos Romanos.

9. Sinagoga e antiga judaria de Tomar
O bairro conhecido como Judaria abrigava judeus provenientes de muitas partes da Europa.
A Sinagoga foi construída entre 1430 e 1460, dando origem a este bairro.
Em 1496, o Rei Manuel I acabou com a paz não só dos moradores deste bairro, mas também de todos os judeus em território português, uma vez que os obrigou a deixar Portugal ou converterem-se ao cristianismo. Por isso, infelizmente, esta Sinagoga foi vendida e transformada em prisão que funcionou até meados do século 16, depois foi transformada em capela cristã e no século 19 era usada como celeiro e armazém. Somente em 1923 foi doada ao Estado que a transformou no museu Luso-Hebraico.

10. Museu dos fósforos
Um museu inusitado que vale a visita. Possui uma coleção de caixa de fósforos de todos o mundo, no total são 60 mil caixas de cerca de 127 países.

Como chegar a Tomar?

Você pode chegar de ônibus, trem ou carro.

Obviamente de carro é mais rápido, normalmente em uma hora e vinte minutos, você chega de Lisboa a Tomar.
O mais recomendado é o ônibus, que leva em torno de uma hora e quarenta e cinco minutos, mas se você está pensando em economizar e está com tempo, o mais barato é ir de trem, a viagem leva duas horas e quarenta minutos, mais ou menos. O trem sai da estação Santa Apolonia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezessete − 3 =

O conteúdo de texto, foto e vídeo do site CIDADANIA TUTTO A POSTO não pode ser copiado ou reproduzido sem autorização prévia.

Quer saber se tem direito a Cidadania Italiana ou Nacionalidade Portuguesa? Clique no botão abaixo e faça uma pré-consulta.
FAÇA UMA PRÉ-CONSULTA GRATUITA!
Fazer pré-consulta